19 de maio de 2012

A vida é um vapor [!]

*

Vapor. Podemos comparar nossa existência aqui como um vapor que logo some no ar. Do pó viemos e para o pó voltaremos. Fato. A questão é: se a nossa vida, muito em breve, passará .. porque tanta preocupação? Porque corremos tanto? Porque, vira e mexe, pedimos por mais horas no nosso dia alegando que 24 (vinte e quatro) não são suficientes? Porque? Afinal, onde estamos investindo tanto tempo assim, a ponto de não conseguirmos parar nem ao menos 5 minutos para agradecer a Quem nos presenteou com a vida? Note as palavras de Jesus no evangelho de Lucas:

"Qual de vocês podem encompridar a sua vida, por mais que se preocupe com isso? Portanto, se vocês não podem conseguir uma coisa assim tão pequena, por que se preocupam com as outras? Vejam como crescem as flores do campo: elas não trabalham, nem fazem roupas para si mesmas. Mas eu afirmo a voces que nem mesmo Salomão, sendo tão rico, usava roupas tão bonitas como uma dessas flores. É Deus quem veste a erva do campo, que hoje está aqui e amanhã desaparece, queimada no forno. Então é claro que Ele vestirá também vocês, que tem uma fé tão pequena! Portanto, não fiquem aflitos, procurando sempre o que comer ou o que beber. Pois os pagãos deste mundo é que estão sempre procurando todas essas coisas. O pai de vocês sabe que vocês precisam de tudo isso. Portanto, ponham em primeiro lugar na sua vida o REINO DE DEUS, e Deus lhes dará todas essas coisas." Lc 12.25-31
Antes de qualquer projeto nosso de vida, deve vir o REINO DE DEUS. E no reino de DEUS o que reina é a vontade de DEUS e não a nossa. 
A vida é um vapor e não há nada que possamos fazer pra que ela deixe de ser. Termino com uma frase para reflexão, que não sei de quem é, mas que ouvi uma vez e gostei muito: 
"Quando os cristãos deixaram de pensar no outro mundo é que eles se tornaram tão incompetentes neste aqui."  
Sabe o que mais quero ouvir dos lábios do Pai no grande dia? "Serva boa e fiél"... Mas para isso é preciso optar em viver por aquilo que NÃO VAI PASSAR. 

Monique Campos

Um comentário:

  1. Que droguinha! Não sei se te falei, mas tinha feito um comentário enorme pra colocar aqui e deu problema no meu navegador, reiniciou e tal. Perdi tudo que tinha falado :/ tentarei reproduzir aqui...

    Pois bem, o que você disse é bem verdade! E é algo que a maioria dos cristãos (se não todos) passam. O meio em que vivemos, de pouco tempo para qualquer coisa, nos faz perder dias preciosos envolvidos com nosso trabalho, estudos, afazeres diários e enfim, qualquer coisa meramente humana. Tenho tido grandes dificuldades nesse campo, já que meu tempo livre se resume a menos de 6h diárias, e tais horas são regadas de muito sono e cansaço. E eu sei que é melhor não orar a Deus nessa situação do que o fazer apenas por formalidade.
    Minha arma tem sido buscar a presença dEle através da meditação diária de pequenos trechos bíblicos que me vem na mente, da conversa com amigos que respiram a presença do Espírito, de orações em locais inusitados, qualquer coisa que possa alimentar nossa alma sedenta.
    Mas o mais interessante disso tudo é ver nossa alma com sede, querendo mais de Deus. Só isso já é algo que me deixa mais do que feliz!

    Continue assim nique, texto maravilhoso! :D

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário! Volte sempre!